ERA BOM QUE TROCÁSSEMOS UMAS IDEIAS SOBRE O ASSUNTO

COD. PRODUTO: 9788535906202

R$ 42,00

1x de R$ 42,00 sem juros

Comprar

Informe seu CEP para consultar o valor e o prazo da entrega

'Era bom que trocássemos umas idéias sobre o assunto' já se inicia com um novo infortúnio na carreira do burocrata lisboeta Joel Strosse Neves. Cinqüentão habituado a preencher ofícios com impecável correção gramatical, ele não consegue acompanhar o ritmo da modernização da empresa em que trabalha há décadas. O novo chefe decidiu 'encostá-lo' num gabinete sem importância. É então que Joel Strosse se rebela - pela primeira vez na vida. Resgata na estante velhos livros de Marx e Engels e decide aderir ao Partido Comunista. Com sarcasmo e habilidade, Mário de Carvalho escreve neste livro a comédia de toda uma geração portuguesa - aquela que chegou à vida adulta durante a redemocratização de Portugal, a partir da Revolução de 25 de abril de 1974.

'Era bom que trocássemos umas idéias sobre o assunto' já se inicia com um novo infortúnio na carreira do burocrata lisboeta Joel Strosse Neves. Cinqüentão habituado a preencher ofícios com impecável correção gramatical, ele não consegue acompanhar o ritmo da modernização da empresa em que trabalha há décadas. O novo chefe decidiu 'encostá-lo' num gabinete sem importância. É então que Joel Strosse se rebela - pela primeira vez na vida. Resgata na estante velhos livros de Marx e Engels e decide aderir ao Partido Comunista. Com sarcasmo e habilidade, Mário de Carvalho escreve neste livro a comédia de toda uma geração portuguesa - aquela que chegou à vida adulta durante a redemocratização de Portugal, a partir da Revolução de 25 de abril de 1974.